quarta-feira, 24 de junho de 2015

Construindo a Ponte da Carnificina - Evento Águas de Sentina




    "Tl;dr — No fim do inverno lançaremos o nosso próximo evento chamado Águas de Sentina: Marés Ardentes. Como parte do evento, o mapa temporário de ARAM, chamado Ponte da Carnificina, traz as Águas de Sentina à vida pela primeira vez no jogo. Leia abaixo para saber mais a respeito do novo mapa e da tempestade criativa da Riot, inspirada pelas possibilidades existentes na cidade portuária."

     Águas de Sentina: Marés Ardentes chega em breve, no fim deste inverno, mas o conteúdo do evento chegará ao Ambiente Público de Testes nas próximas semanas. Considere este artigo um vislumbre rápido e semspoilers pelos bastidores, mas talvez você queira evitar notícias relacionadas a Bilgewater até que o evento comece caso queira acompanhar a história.
     As Águas de Sentina ancoram o quarto evento inspirado na história de League of Legends, seguido da Ilha das Sombras, Freljord e Shurima. Equipes de toda a Riot, já há algum tempo, tinham a sensação óbvia de que a cidade portuária daria um excelente cenário para um evento. Equipes de narrativa e de construção de mundos construiram as fundações para uma sobreposição de culturas e estilos que montam a imagem do lugar e ajudam trazer à vida o tenebroso mercado local.


RUMO ÀS ÁGUAS DE SENTINA

     Escolhemos Águas de Sentina (o novo nome localizado de Bilgewater) quando uma equipe de desenvolvimento construiu um mapa estilizado de ARAM durante uma de nossas hackatonas, o conhecido Thunderdome. O entusiasmo de todos ao ver a cidade com vida no jogo deu tração à temática abrangente do evento. Após o ímpeto de criatividade iniciado pelo Thunderdome, dezenas de equipes ao longo da Riot se juntaram para entregar uma experiência das Águas de Sentina com uma vasta variedade de conteúdo — incluindo uma evolução reimaginada do mapa feito durante a hackatona.


UM NOVO MAPA DE ARAM

     A Ponte da Carnificina traz vida às Águas de Sentina dentro do jogo. No novo mapa, a cultura nativa original da cidade portuária e a influência externa de toda a Runeterra se misturam, exibindo as diversas camadas de raças, culturas e credos.
     Incorporamos mesclas de imagens antigas e modernas das Águas de Sentina em inibidores, nexii (plural de nexus, galera), torres e em diversos lugares das bases. Em um dos lados, casas-barco flanqueiam a porta de um templo e; do outro lado, um gigantesco casco de navio está instalado, adornado por entalhos do templo nas laterais das colinas. Torres-canhão rotatórias disparam artilharia pesada, além de outros pequenos detalhes desenvolvidos para imersificar os jogadores nas baia dos piratas.
     Focamos no visual nesta edição do blog porque a mecânica de jogo do ARAM continua a mesma; a ação frenética e aleatória não muda. Só que, agora, dada a natureza das docas, você lutará no que é quase literalmente a ponte da matança.



POR QUE “ÁGUAS DE SENTINA” E NÃO MAIS BILGEWATER

     O nome localizado de “Bilgewater” visa tornar mais consistente a experiência do jogador brasileiro ao redor de seu idioma. “Águas de Sentina” isola as duas partes que compoem o nome original sem afastar do conceito e das palavras que são encontradas normalmente em nomes de cidades brasileiras. “Sentina” é o porão dos navios onde toda a água podre da navegação vai parar, e demonstra o que é encontrado neste território: uma doca onde negociações não tão legais (ou “limpas”) acontecem.


DANDO OUTRA OLHADA

     Entregar uma exploração detalhada do mundo é o objetivo geral do evento. Portanto, tivemos que repensar exatamente o que significa ser um habitante das Águas de Sentina. Nossas explorações por piratas, saqueadores e habitantes destas choupanas nos levaram a uma sociedade insular nativa quando ficou claro que a cidade já existe há séculos.
     A partir destas sugestões, os artistas evoluiram a arquitetura das ilhas com cores vibrantes, texturas com formatos únicos e temas decorativos. A cultura nativa tomou uma parte ainda maior em moldar o visual do ambiente, enfatizando a natureza comercial de caça e coleta de recursos que os nativos fazem com os monstros do mar.


MAR PARA NAVEGAR E PARA CAÇAR

     O acúmulo de recursos do mar através da caça destes monstros é uma maneira comum de se viver em Águas de Sentina. Ver monstrengos partindo das profundezas e chegando à superfície nada mais é do que uma parte normal para os veteranos cascudos desta enseada criminosa. Como resultado, você verá iconografia relacionada a monstros do mar pelo evento todo, formando assim a aparência única de Águas de Sentina.
     O alvoroço e ruído de um porto lotado trai a ampla variedade de influências na cidade. Entre caravels invertidas de Freljord contra os rostos talhados em pedra, a lenta evolução das esculturas indígenas e toques de outras regiões do mundo, a profundidade na narrativa por trás das ruas e da cultura encontra novas formas de expressão.


A PONTE DA CARNIFICINA

     Batizamos o novo mapa frente à gigantesca e dilapidada fonte que paira sobre as docas da matança. Outrora uma antiga ponte de pedra que levava à entrada do templo, ela foi mantida em seu lugar na base da gambiarra e, agora, é o cenário perfeito para uma batalha totalmente aleatória.
Águas de Sentina é o maior mercado clandestino de Runeterra, então fique de olhos abertos para mensagens codificadas, hextecnologia ilícita contrabandeada de Piltover e outras surpresinhas escondidas entre os itens disponíveis pelos vendedores e demais objetos espalhados no cenário.


TERRA À VISTA

     A Ponte da Carnificina está quase chegando ao Ambiente Público de Testes. Lá ela será polida só mais um pouquinho, pois ainda há trabalho a se fazer antes de colocar este navio no mar. Um último detalhe sobre o mapa: embora a Ponte da Carnificina substitua Howling Abyss durante "Águas de Sentina: Marés Ardentes" quanto ao lugar para ir caso queira ação aleatória em uma rota, ainda estamos explorando opções pós-evento.

-----------------------------------------------------------------------------------------------

     Compartilhe suas primeiras impressões sobre o novo mapa de ARAM e evento nos comentários abaixo ou nos Fóruns. Estamos muito empolgados para saber o que pensa e mal podemos esperar para sermos parte, junto com vocês, do próximo evento de League of Legends — Águas de Sentina: Marés Ardentes!



Fonte: League of Legends Brasil




Homer

Sobre o autor:


Tradutor, futuro Produtor Audiovisual, amante de Bacon e que sonha em ser a melhor Poppy do Brasil.

Redes Sociais :
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial